Prédio é localizado a cerca de 4 quilômetros do centro da cidade, na área de Potrero Hill. Nome das vítimas não foi divulgado

Quatro pessoas morreram após tiros serem disparados pouco antes das 9h na unidade da empresa de encomendas UPS em San Francisco, nos Estados Unidos, segundo entrevista de Toney Chaplin ao jornal local “San Francisco Chronicle”, chefe assistente da polícia. O policial também informou que duas outras pessoas foram feridas.

Ainda de acordo com Chaplin, o atirador está entre os mortos – ele disparou contra si mesmo quando a polícia chegou. O nome das vítimas não foi divulgado.

LEIA TAMBÉM: Professora é presa após sexo com três alunos adolescentes na Carolina do Norte

LEIA TAMBÉM: Atirador invade treino de beisebol e fere líder republicano na Virginia

O prédio é localizado a cerca de 4 quilômetros do centro da cidade, na área de Potrero Hill. Em entrevista à AP, o diretor do Hospital Geral Zuckerberg, disse que recebeu algumas das vítimas, mas não informou exatamente o número de feridos. A polícia de San Francisco confirmou a operação.

Em nota, a UPS confirmou o tiroteio envolvendo quatro funcionários durante a manhã. Eles dizem que as forças locais estão conduzindo uma investigação. A empresa também disse que não pode passar informações e identificar as pessoas envolvidas até o momento, já que está pendente para a investigação da polícia.
Um morador próximo postou uma foto do que seriam funcionários no telhado do local do incidente:

VIDA EUA: A importância de continuar falando Português nos Estados Unidos

VIDA EUA: Vale a pena morar perto de outros brasileiros nos Estados Unidos